Associação dos Produtores e Comerciantes de Sementes e Mudas do Rio Grande do Sul

Quarta-feira, 28/06/2017. Bom dia. Seja Bem-vindo(a)!

Bolsa de Sementes

Consulte aqui a disponibilidade de sementes de nossos associados.

Legislação

Consulte aqui a legislação sementes/agrícola.

Associados

Área Restrita.

Esqueceu a senha?

Arroz brasileiro tem o 3º ano consecutivo de balança comercial positiva - 13/02/2014

Faltando um mês para o fechamento do ano comercial 2013/2014 é possível afirmar que o Brasil irá exportar 1,2 milhão de toneladas e que teremos mais um ano de balança comercial positiva, segundo os dados levantados pela divisão de política setorial do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga).

Para o coordenador da Câmara Setorial do Arroz do RS, César Marques, a exportação de arroz é fundamental para manutenção da estabilidade dos preços praticados no comércio interno de arroz. “É estratégico exportar, no mínimo, a mesma quantidade de arroz importado do MERCOSUL para termos equilíbrio nos preços”, destaca.

No mês de janeiro de 2014 as exportações de arroz foram de 110.505 toneladas contra a importação de 64.004 toneladas. Até este momento (março 2013/janeiro 2014) as exportações alcançaram 1.138.218 toneladas contra a importação de 901.802 toneladas proporcionando um saldo positivo de 236.396 toneladas. Marques afirma que esta constatação é uma realidade nos três últimos anos. “Historicamente tivemos saldo positivo nas exportações brasileiras de arroz, somente no ano de 2008 e vários anos de alternância de períodos de crises e bons preços para o setor”.

Nos últimos doze meses os principais destinos exportadores de arroz foram: Cuba com 158 mil toneladas, Venezuela com 148 mil toneladas, Senegal com 140 toneladas, Serra Leoa com 110 mil toneladas, Benin com 109 mil toneladas, Nicarágua com 105 mil toneladas e Gâmbia com 103 mil toneladas. Ainda é preciso ressaltar a importação realizada pelos países baixos (Holanda) com o volume importante de 75,804 mil toneladas. Segundo Marques é importante notar a importância do Rio Grande do Sul nestes números já que 95% do arroz exportado é produzido e beneficiado no Estado.

“Nos últimos anos, principalmente após o apoio do governo federal no ano comercial de 2011/2012 quando chegamos a exportar 2,09 milhões de toneladas de arroz houve uma ampliação significativa de novos países importadores do nosso arroz”, afirma Marques.

Em 2012 foi criado Projeto Brazilian Rice que é fruto de um convênio entre a Associação Brasileira da Indústria do Arroz (Abiarroz), a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e o Irga e tem como objetivo promover o arroz brasileiro e seus derivados no mercado internacional. E nos próximos dias, com foco em exportar para o Oriente Médio e Africa, as empresas participantes do projeto participam da Gulfood, a maior feira de alimentação do Oriente Médio, que ocorre de 23 a 27 de fevereiro, em Dubai. Ainda na agenda a participação na Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque, com rodadas de negócios com a presença de 75 países, 19 embaixadores e três presidentes.

Fonte: Irga

Rua Apassul, 10, Bairro São Geraldo
Passo Fundo - Rio Grande do Sul - CEP 99025-130
Fone: (54) 3314-1799 / Fax: (54) 3314-6123
apassul@apassul.com.br