Associação dos Produtores e Comerciantes de Sementes e Mudas do Rio Grande do Sul

Quinta-feira, 15/11/2018. Boa tarde. Seja Bem-vindo(a)!

Bolsa de Sementes

Consulte aqui a disponibilidade de sementes de nossos associados.

Legislação

Consulte aqui a legislação sementes/agrícola.

Associados

Área Restrita.

Esqueceu a senha?

Condições climáticas beneficiam safra de grãos no Rio Grande do Sul - 29/01/2013

As condições climáticas registradas no último período beneficiaram a safra de grãos de verão no Rio Grande do Sul, conforme informações divulgadas, nesta quinta-feira (24/01), no Informativo Conjuntural da Emater/RS-Ascar.

As lavouras de milho, por exemplo, apresentam bom aspecto geral. A produção obtida até agora tem ficado acima do esperado, deixando satisfeitos os produtores. Dentre as distintas fases de evolução da cultura, a que apresenta maior percentual, no momento, é a de formação de grãos, com 30% do total. Também é expressivo o percentual de lavouras em maturação, com 23% da área nessa fase. Muitos produtores de milho aproveitam o bom momento pelo qual passa a cultura, em termos de cotações, para repetir o plantio com o grão nas áreas já colhidas, principalmente naquelas em que o primeiro corte foi destinado à silagem.

As chuvas regulares ocorridas no último período favoreceram a manutenção das reservas de água e contribuíram para a redução do gasto com energia para a irrigação nas principais regiões produtoras de arroz no Estado. A cultura encontra-se no período vegetativo, apresentando bom potencial de produção. No momento, os orizicultores realizam os tratos culturais, como aplicação de fungicidas, inseticidas e adubação nitrogenada nas lavouras do tarde. A ocorrência, na última semana, de um clima mais seco e com alta insolação favoreceu as lavouras nas fases de floração e formação dos grãos.

As condições meteorológicas dos últimos períodos, especialmente a boa umidade do solo e a insolação, auxiliaram no desenvolvimento do feijão da 1ª safra no Estado. A colheita das lavouras já atinge os 60% da área estimada. Alguns produtores já iniciaram o plantio da safrinha do feijão, que apresenta boa germinação. Em relação à comercialização, permanece a tendência de alta no mercado, com a saca de 60 kg do feijão-preto cotada, nesta semana, a R$ 116,00, o que representa um aumento 4,19%.

Outra cultura de verão, a soja também apresenta bom desenvolvimento vegetativo, principalmente as áreas que se encontram nas fases de florescimento e enchimento de grãos. Nessa semana, os produtores intensificaram o controle químico de ervas daninhas nas lavouras recém-implantadas e de lagartas e ferrugem. A escassez de umidade em algumas regiões, associada ao estágio em que se encontram as lavouras, começa a causar preocupação aos sojicultores, mas, conforme os técnicos da Emater/RS-Ascar, ainda é prematura qualquer avaliação sobre os reflexos desses fatores para a cultura. No atual momento, em todas as regiões produtoras, as estimativas de produção estão em patamares acima do esperado.

Fonte: Emater/RS-Ascar

Rua Apassul, 10, Bairro São Geraldo
Passo Fundo - Rio Grande do Sul - CEP 99025-130
Fone: (54) 3314-1799 / Fax: (54) 3314-6123
apassul@apassul.com.br